| Amor sem Escalas | Interessante reflexão sobre o ser humano e suas relações

 

O Terminal: George Clooney na busca por 10 milhões de pontos em milhas aéreas

O diretor Jason Reitman roubou os holofotes quando foi indicado ao Oscar por Juno. Um trabalho notável que mesclou, com perfeição, drama e comédia com uma direção esperta e um roteiro incrivelmente bem escrito, conquistando platéias e críticos. Amor sem Escalas é um projeto diferente. Muito mais dramático e sério, mas sem perder as leves pinceladas de humor e ironia, características que podem ser consideradas marca do diretor.

Na trama, Ryan Bingham trabalha em uma empresa onde sua principal função é demitir funcionários. O trabalho o faz voar muito, o que acaba deixando-o obcecado por uma nova meta: acumular 10 milhões de pontos em milhas aéreas. No caminho, encontra a mulher de seus sonhos e uma ambiciosa nova funcionária em sua empresa, que propõe uma idéia que pode acabar com sua vida.

Amor sem Escalas é uma interessante reflexão sobre a solidão e como o ser humano precisa de companhia. Aborda também, o fim de relações, seja uma relação amorosa ou uma relação de trabalho. A ironia ronda muito esse assunto. O melhor exemplo fica com a personagem Natalie, que tem a idéia de demitir funcionários através do computador, acontece que seu namorado termina com ela através de uma mensagem de texto de celular. O feitiço vira contra o feiticeiro. O lado original do filme são os inúmeros voos que Ryan faz, tentando acumular milhões de milhas aéreas; essa parte ilustra bem como o personagem é solitário e não tem um rumo para sua vida, e contenta-se em viajar por aí. O problema é que, em alguns momentos, percebemos que o filme também não tem um rumo especificado.

A excelente Anna Kendrick rouba a cena e se mostra bem promissora

As atuações são impecáveis. George Clooney impressiona no papel principal, com uma das melhores performances de sua carreira, conseguindo transmitir tristeza e sarcasmo ao mesmo tempo e mudando sua personalidade ao longo do filme.Vera Farmiga interpreta Alex, que tem um caso com Ryan; seu desempenho é competente, mas quem rouba a cena é a excelente Anna Kendrick (atriz com pequena participação na Saga Crepúsculo), no papel de Natalie, jovem que começa a trabalhar com Ryan. Simplesmente fenomenal, descontraída e bem confortável no papel;uma descoberta. Sobre os coadjuvantes, Jason Bateman, pela primeira vez, faz um papel que realmente me agrada e JK Simmons (ator que ja virou figurinha do diretor) e o barbudo Zach Galifianakis rendem ótimas cenas como funcionários demitidos.

Criativo e envolvente, o filme vai ficando melhor da metade para o fim. É quando o personagem começa a mudar e é também quando o filme começa a mostrar para quê veio. Amor sem Escalas termina com um clímax dramático, satisfatório, e emocionante; principalmente pela mensagem sobre o desemprego e a superação.
Sobre aquela parte mais técnica, vale destacar a fotografia e a caprichada montagem, principalmente nas cenas de introdução do personagem de Ryan. A trilha sonora, sejam as faixas originais ou as já existentes, são muito bem selecionadas e aplicadas nos momentos certos.

Resumindo, é uma interessante e simples reflexão sobre o ser humano e suas relações. É um drama, mas é carregado de ironia e algumas doses de humor.Vaga garantida no Oscar, mas suas chances de levar o prêmio máximo são remotas, temos filmes melhores na disputa. Mas a visita é obrigatória.

Anúncios

3 Respostas to “| Amor sem Escalas | Interessante reflexão sobre o ser humano e suas relações”

  1. gostei da sua crítica sobre “Amor sem Escalas”, está ótima 🙂

  2. […] O terceiro filme do promissor Jason Reitman é sua obra mais complexa e madura, tendo sua mensagem não entendida por muitos. Bem escrito e cativante, o filme fala, principalmente, sobre relações e seus fins. Sejam relações de trabalho ou amorosas, e como nem sempre tudo dá certo na vida real. Sem rumo no início, mas sempre entretendo, é um bom filme. Crítica completa. […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: