Arquivo para o império contra-ataca

| Star Wars: Episódio VI – O Retorno de Jedi | Crítica

Posted in Aventura, Cinema, Clássicos, Críticas de 2014, Ficção Científica with tags , , , , , , , , , , , , , on 27 de outubro de 2014 by Lucas Nascimento

4.5

Unmask
Darth Vader enfim tem a máscara retirada

No meu último post de retrospectiva Star Wars, falarei sobre o último filme da saga – até então, já que o Episódio VII vem aí. Não é uma tarefa fácil seguir O Império Contra-Ataca, ainda que o filme abrisse um leque de possibilidades bem interessante para futuras continuações. Mesmo que empalideça diante do capítulo superior, Star Wars: Episódio VI – O Retorno de Jedi é uma conclusão que não deixa a desejar em nenhum aspecto.

A trama começa 4 anos após a vitória do Império sobre a Aliança no filme anterior, com Darth Vader (voz de James Earl Jones, corpo de David Prowse e rosto de Sebastian Shaw) e o Imperador (Ian McDiarmid) acelerando a construção de uma segunda Estrela da Morte, visando uma estação bélica ainda mais letal do que a primeira. Enquanto isso, Luke Skywalker (Mark Hamill) está cada vez mais confortável com suas habilidades Jedi, e arma um plano com os companheiros Leia (Carrie Fisher), Lando Calrissian (Billy Dee Williams), Chewbacca (Peter Mayhew) e os droides C-3PO (Anthony Daniels) e R2-D2 (Kenny Baker) para resgatar Han Solo (Harrison Ford) do asqueroso Jabba, o Hut.

Dos filmes da trilogia original, O Retorno de Jedi é certamente o mais agitado. A missão para resgatar Han Solo rende uma espetacular cena de ação no poço da planta carnívora Sarlacc, temos uma perseguição em alta velocidade com speeders pela floresta (que, de tão intensa, dispensa até mesmo a música de John Williams), batalhas florestais, duelos de sabres de luz e mais uma corrida espacial pelas trincheiras da Estrela da Morte, que novamente exige o máximo dos especialistas em miniaturas e efeitos visuais. O diretor Richard Marquand comanda bem as ditas sequências, e explora com eficiência os rumos tomados pelo roteiro de Lawrence Kasdan e George Lucas.

O grande destaque, e que sempre me chamou a atenção, desde a primeira vez que o assisti, é mesmo a relação de pai e filho entre Luke e Vader. Lembro de meu espanto e maravilhamento ao finalmente perceber quem era o Jedi que “retornava”, do título, o que rende um clímax intimista e poderoso, como se Luke lutasse para salvar a alma de seu pai do Lado Sombrio da Força, representado pelo sinistro Imperador. É aí que a trilogia dos prequels ganha mais força dentro da original, e a ordem cronológica traz seu charme (sempre achei muito melhor assistir aos episódios IV-VI antes dos I-III) ao nos oferecer um ciclo completo na jornada de Anakin Skywalker; que culmina no retorno de seu Jedi interior.

Querem saber o que não gosto no filme? Resumo em uma palavra: Ewoks. Se a trilogia dos prequels tem Jar Jar Binks, a original tem os “ursinhos carinhosos” da lua florestal de Endor.

Se dependesse de mim, não precisaríamos de um Episódio VII. Fico empolgado como qualquer fã, mas Star Wars: Episódio VI – O Retorno de Jedi da conta do recado e oferece um encerramento coeso e poético para a história de Darth Vader, impressionando pelo espetáculo, os personagens e todas as coisas únicas que só Star Wars é capaz de oferecer.

Foi maravilhoso revisitar toda a saga. Espero vê-la com grande estilo e carinho quando J.J. Abrams nos levar de volta a esta galáxia muito, muito distante.

A SAGA

Episódio I – A Ameaça Fantasma

Episódio II – Ataque dos Clones

Episódio III – A Vingança dos Sith

Episódio IV – Uma Nova Esperança

Episódio V – O Império Contra-Ataca

Episódio VI – O Retorno de Jedi

Anúncios

| Star Wars: Episódio V – O Império Contra-Ataca | Crítica

Posted in Aventura, Cinema, Clássicos, Críticas de 2014, Ficção Científica with tags , , , , , , , , , , , , , , , , on 26 de outubro de 2014 by Lucas Nascimento

5.0

TheEmpireStrikesBack
Darth Vader faz a revelação mais marcante de toda a saga

Quando algum diretor fala sobre fazer continuações, sempre cita aquelas que de fato atingiram o nível do original, ou até mesmo um resultado superior. A resposta pode variar, mas pode apostar que O Poderoso Chefão: Parte II e O Império Contra-Ataca estarão lá.

A trama começa alguns anos após a Batalha de Yavin 4, com Luke (Mark Hamill), Leia (Carrie Fisher) e Han (Harrison Ford) refugiados com a Aliança rebelde no planeta de gelo Hoth (ironia eterna desse nome). Cada vez mais interessado no jovem Jedi, Darth Vader o procura por toda a galáxia, enviando sondas e caçadores de recompensa para encontrar o grupo. A jornada levará Luke ao encontro do Mestre Jedi Yoda (Frank Oz), enquanto o restante do grupo é atraído para uma letal armadilha do Império.

Se a grande maioria das continuações hoje em dia (lembrem-se, este é o segundo filme da saga a ser lançado) adota a política do “maior e mais sombrio”, é graças a O Império Contra-Ataca. É bem menos otimista do que o anterior, e o roteiro de Leigh Brackett e Lawrence Kasdan (George Lucas é responsável apenas pelo argumento principal) se arrisca ao colocar os personagens em situações desafiadoras e que muitas vezes leva a melhor sobre estes. Claro que o humor jamais morre, afinal a presença de C-3PO (Anthony Daniels) e R2-D2 (Kenny Backer) sempre rende momentos divertidos, assim como a relação de amor e ódio que vai se construindo entre Han e Leia.

Mas é realmente Darth Vader quem ganha mais destaque aqui. Outrora um vilão genérico no anterior, aqui o lorde Sith ganha mais profundidade e importância, afetando até mesmo o trabalho de dublagem de James Earl Jones; capaz de criar mais nuances aqui, graças à bombástica revelação a respeito de sua relação com Luke. A entrada de Irvin Kershner na direção também é outro ponto valioso, já que revela-se um condutor mais eficiente do que Lucas, além de arrancar melhores atuações do carismático elenco. Visualmente, também é responsável por sequências empolgantes como a batalha de Hoth, a perseguição pelo campo de asteroides e o antológico duelo de sabres entre Luke e Vader – belíssimamente fotogrado por Peter Suschitzky.

Star Wars: Episódio V – O Império Contra-Ataca é certamente o melhor filme da saga, e também uma das continuações mais eficazes e surpreendentes já apresentadas em Hollywood. É o tipo de filme que quase reinventa a história, elevando-a à níveis difícieis de serem superados.

Felizmente, a conclusão da saga não nos deixaria na mão.

Próximo: O Retorno de Jedi

A SAGA

Episódio I – A Ameaça Fantasma

Episódio II – Ataque dos Clones

Episódio III – A Vingança dos Sith

Episódio IV – Uma Nova Esperança

Episódio V – O Império Contra-Ataca

Episódio VI – O Retorno de Jedi

STAR WARS de volta aos cinemas de São Paulo

Posted in Notícias with tags , , , , , , , , , , on 10 de outubro de 2014 by Lucas Nascimento

sw

Os cinéfilos nerds paulistas têm uma ótima pedida para o mês de outubro: o Cinemark do Shopping Eldorado vai exibir todos os filmes de Star Wars, saga espacial de George Lucas, começando no dia 21 de Outubro. As sessões são únicas e acontecem apenas às 20h30.

Os ingressos já podem ser adquiridos no site do Ingresso.com. Clique no filme desejado abaixo para ser redirecionado!

21/10: Episódio I: A Ameaça Fantasma

22/10: Episódio II: O Ataque dos Clones

23/10: Episódio III: A Vingança dos Sith

24/10: Episódio IV: Uma Nova Esperança

25/10: Episódio V: O Império Contra-Ataca

26/10: Episódio VI: O Retorno de Jedi

Não existe maneira melhor de preparar o terreno para o Episódio VII, não?

Imperdível!

Análise Blu-ray | STAR WARS – A SAGA COMPLETA

Posted in Análise Blu-ray with tags , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , on 18 de setembro de 2011 by Lucas Nascimento

Primeiro, vamos esclarecer uma coisa: Star Wars – A Saga Completa tem extras pra caramba. Por esse motivo, não vou fornecer uma análise detalhada sobre cada um deles e sim de um modo mais geral. Enfim, vamos lá:

A Saga

Não há dúvidas. Star Wars é a maior saga de todos os tempos, uma das histórias mais bem contadas no cinema. Composta por duas trilogias, ela conta a ascenção e queda de Anakin Skywalker; escolhido para trazer equilíbrio à energia conhecida como Força, ele sucumbe à escuridão e transforma-se no temível Darth Vader. Todos os seis filmes contam com efeitos visuais espetaculares, diversão inigualável e uma inesquecível trilha sonora assinada pelo genial John Williams; abaixo, meu ranking pessoal:

  1. Episódio V – O Império Contra-Ataca – 5/5
  2. Episódio III – A Vingança dos Sith – 5/5
  3. Episódio IV – Uma Nova Esperança – 5/5
  4. Episódio VI – O Retorno de Jedi – 4/5
  5. Episódio II – O Ataque dos Clones – 4/5
  6. Episódio I – A Ameaça Fantasma – 3/5

Discos 1-6

Obviamente, nos primeiros seis discos temos os filmes da saga convertidos em um HD impressionante (a imagem é realmente espetacular, até mesmo na trilogia original) e som 6.1 épico. De extras, nós encontramos:

Comentários em Áudio

Para cada um dos filmes, há disponível duas faixas de comentários em áudio, dentre as quais incluem ótimos depoimentos de George Lucas – que comenta o processo, dificuldades, detalhes sobre os personagens, cenas específicas e praticamente tudo o que você sempre quis saber sobre a saga -, a equipe e alguns arquivos do elenco. Impecável.

Disco Bônus 1 e 2

Ambos os discos contam com a mesma organização de extras (que é ótima, por sinal), alterando apenas seu conteúdo, de acordo com os filmes e planetas da mitologia selecionados. Para os episódios I-VI temos:

Cenas e Excluídas e Estendidas

Aqui, revelo um pouco de decepção. Considerando que este é um mega-lançamento em blu-ray de todos os filmes da saga, eu esperava um tratamento mais decente na exibição de cenas que ou ficaram de fora ou apresentam versões alternativas/estendidas, além de animáticos de pré-visualização. Certamente que é difícil lidar com material antigo (e tudo que temos da trilogia original é satisfatório), mas não há desculpa para o serviço fraco nas cenas inéditas da nova trilogia.

Entrevistas

Cada um dos filmes apresenta diferentes entrevistas com determinados membros da produção (incluem George Lucas, diretores, atores e técnicos de efeitos especiais) sobre as variadas etapas da produção. Há, por exemplo, o diretor Irvin Keshner (de O Império Contra-Ataca) comentando sobre o elenco principal, George Lucas preparando-se para escrever o Episódio I, entre várias outras imperdíveis curiosidades.

A Coleção

O mais interessante dos discos, aqui temos – por exemplo – um objeto ou personagem. Você pode analisar seus mínimos detalhes em uma projeção em 360º e assistir a comentários da equipe sobre o desenvolvimento de tal objeto/personagem. Por exemplo, você pode escolher a armadura de Jango Fett (do Episódio II) e analisar suas características enquanto assiste à equipe de figurino e design falando sobre o visual do personagem, comentários de George Lucas, etc. É simplesmente do caralho!

Galeria de Artes Conceituais

Complementando a experiência dos bastidores, os discos apresentam vastas galerias de artes conceituais sobre os inúmeros planetas, armas e criaturas que populam o universo de Star Wars. Ilustrações caprichadas e com alguns detalhes em texto sobre cada um deles.

Disco Bônus 3

O Making of de Star Wars

Os dróides C-3P0 e R2-D2 apresentam um antigo making of de Uma Nova Esperança. Com quase 1 hora de duração, o documentário acompanha todo o processo de criação – com ênfase nas inspirações de George Lucas – e filmagem do longa (que mostram a construção dos grandiosos cenários e as complexas maquetes em miniatura), a inserção dos espertos efeitos especiais (principalmente o cenário de vidro em uma cena envolvendo Obi-Wan) e depoimentos do elenco sobre a história e como foi a experiência. Pra ansiar, o extra termina com os produtores divagando sobre como as continuações deveriam ser. Sensacional.

O Império Contra-Ataca: Efeitos Especiais

Similar ao anterior – antigo, certamente lançado na época de Império – esse foca-se em um tema presente em todos os filmes da saga: os efeitos especiais. Mark Hamill apresenta o documentário que explora praticamente toda a história dos efeitos especiais no cinema (passando por stop-motion e técnicas do tipo) e como ela foi aplicada no segundo filme da trilogia original; apresentando um olhar detalhado em determinadas sequências. Pode-se ver também alguns depoimentos de Ben Burtt, responsável pelos revolucionários efeitos sonoros da franquia. Ótimo ritmo, sempre interessante e nunca cansativo.

Criaturas Clássicas: O Retorno de Jedi

No mesmo esquema dos anteriores, acompanhamos o processo de criação das criaturas vistas em O Retorno de Jedi. Carrie Fisher e Billy Dee Williams apresentam o documentário. Vemos todo o desenvolvimento de cada um dos monstros e alienígenas, não só da saga mas também damos uma breve passada pelas técnicas utilizadas por toda a história do cinema. Destaque para as técnicas de marionete e mecânica usadas nos movimentos de Jabba, o Hut e o sempre brilhante stop motion nas miniaturas.

Anatomia de um Dewback

Aqui, observamos a remasterização da cena em que os soldados imperiais vasculham o deserto em Uma Nova Esperança. Visando melhorar a cena para a edição especial da trilogia em 1997, a ambição de George Lucas deu muito trabalho aos técnicos de efeitos visuais, que precisou encontrar o rolo de filme correto (em um vasto depósito de material), propocionar regravações da cena e aperfeiçoá-la com efeitos digitais. Trabalhoso, mas com resultado eficiente.

Guerreiros Estelares

Voltado à legião de fãs de Star Wars, o grande foco aqui é a organização e preparação de um desfile de personagens do filme (a maioria soldados imperiais e clones) em um evento. É interessante e tem bons momentos.

A Tecnologia de Star Wars

Adoro esse tipo de documentário. Aqui, entrevistas com físicos, mecânicos e todo o pessoal especializado nas áreas científicas discutem como funcionam as variadas tecnologias do universo Star Wars – passando por naves espaciais, sabres de luz, robôs e a roupa mecânica de Darth Vader – e o quão perto está a humanidade de alcançá-las. Claro que algumas são bem improváveis, mas outras estão bem pertas de acontecerem.

Uma Conversa com os Mestres: O Império Contra-Ataca 30 Anos Depois

Como o título já sugere, acompanhamos aqui uma conversa empolgante sobre O Império Contra-Ataca, considerado por muitos o melhor filme da hexalogia. George Lucas, o diretor Irvin Kershner, o co-roteirista Lawrence Kasdan e o mago compositor John Williams comentam sobre alguns dos pontos mais importantes do filme, como a complicada composição do Mestre Yoda, a música tema de Darth Vader que viria a tornar-se uma lenda e a antológica reviravolta sobre a paternidade de Luke Skywalker. Magistral!

Sátiras de Star Wars

O disco apresenta 1h37min de clipes de diversas paródias de Star Wars, vindo de seriados de tv, programas humorísticos e séries de animação. Algumas são bem divertidas (principalmente as de That’ 70s Show e Family Guy) e outras não têm a menor graça (como aqueles comerciais temáticos), mas vale pra mostrar o grande impacto da saga nas mídias gerais.

Nota Geral:

O blu-ray da Saga completa de Star Wars é um dos melhores já lançados. Os filmes estão em qualidade impressionante (apesar de sofrerem algumas alterações desnecessárias) e o material extra é imenso, com dezenas de horas para fortalecer seu conhecimento sobre a maior saga do cinema. Obrigatório.

Preço: R$ 299,90